PROJETOS PARA UMA UNIVERSIDADE

ao ritmo a que as coisas mudam à nossa volta

FSS in Mudança Tranquila

UC. 2019-2023

 Amílcar Celta Falcão Ramos Ferreira

Informação Curricular

Licenciado em Ciências Farmacêuticas, Doutorado e Agregado em Farmácia (Especialidade de Farmacologia) pela UC, é Professor Catedrático desde 2007.

Informação Curricular

Informação Curricular

Licenciado em Ciências Farmacêuticas, Doutorado e Agregado em Farmácia (Especialidade de Farmacologia) pela UC, é Professor Catedrático desde 2007.
Ao longo da sua carreira académica foi chamado a desempenhar vários cargos no âmbito da gestão universitária, como Diretor da Faculdade de Farmácia entre 2010 e 2012, Presidente do Conselho Pedagógico, Vice-Presidente e Presidente do Conselho Científico e ainda pelo governo da própria UC, onde foi membro do Senado, Conselho Geral (2008-2010) e do Conselho de Gestão (2015-2017).  Vice-Reitor da UC para a Investigação, Inovação, Empreendedorismo e Desporto (2011-2019) e Diretor do Instituto de Investigação Interdisciplinar (IIIUC), função que desempenha desde (2013-2019). É, ainda, Director Técnico da empresa ICNAS Produção (empresa detida a 100% pela Universidade de Coimbra)..

Investigador e líder do Grupo de Farmacometria do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) da UC, é autor e co-autor de algumas centenas de comunicações e publicações científicas. Possuindo vários projetos de investigação fundamental e aplicada em execução, destaca-se o facto da maioria do seu financiamento ser suportado por empresas nacionais e multinacionais do ramo farmacêutico. A sua atividade científica tem-lhe valido vários prémios ao longo do seu percurso profissional, sendo de destacar o de “Eminent Sicentist of the Year – Clinical Pharmacology” (2006) e o “Prémio Almofariz – Figura do Ano” (2008).
Esteve diretamente envolvido no programa de desenvolvimento do primeiro medicamento português (Acetato de Eslicarbazepina – Zebinix®) como consultor dos Laboratórios BIAL.

Programa de Ação – Citius, Altius, Fortius

“Pelo meu percurso pessoal, académico e profissional, senti o dever de me candidatar a Reitor da Universidade de Coimbra. Candidato-me porque tenho a experiência necessária ao exercício do cargo, porque conheço os desafios que estão no horizonte e porque sou capaz de reunir uma equipa competente que contribuirá para o sucesso da honrosa missão de liderar a nossa secular e prestigiada Universidade de Coimbra”

*Candidatura ao cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, janeiro de 2019

Notícias

Amilcar Falcão reúne com a AAC
Amilcar Falcão reúne com a AAC

Apresentação da Candidatura

“Citius, Altius, Fortius… Este é o momento para a Universidade dar o salto”.

Amilcar Falcão quer Universidade e Município juntos por Coimbra

Mais informação

Página pessoal de Amilcar Falcão

 Ernesto Jorge Fernandes Costa

Informação Curricular

Professor Catedrático do Departamento de Engenharia Informática (DEI) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), onde concluiu a licenciatura em 1976.

Informação Curricular

Informação Curricular

Ernesto Jorge Fernandes Costa é Professor Catedrático do Departamento de Engenharia Informática (DEI) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), onde concluiu a licenciatura em 1976. Foi co-fundador e primeiro presidente eleito do DEI, entre 1997 e 1999, e presidente da Comissão Científica do DEI, entre 2006 e 2008. Obteve o doutoramento de Terceiro Ciclo, em Informática Teórica, pela Universidade de Paris VI, em 1981, e o doutoramento em Engenharia Electrotécnica, na FCTUC, em 1985.
As suas áreas principais de investigação são a Inteligência Artificial, a Vida Artificial, os Sistemas Complexos, a Cognição e a Biologia Computacional. Foi co-fundador do Centro de Informática e Sistemas da Universidade de Coimbra (CISUC), seu presidente entre 1998 e 2000. Fundou e liderou o Grupo de Inteligência Artificial, em 1986, que abandonou, em 2003, para criar e liderar o Grupo de Computação Evolucionária e Sistemas Complexos, a que actualmente pertence.
Participou em vários projectos nacionais e internacionais, tendo ganho quatro prémios de melhor trabalho científico em eventos científicos internacionais. Em 2009 foi-lhe atribuído o 2009 Evostar Award for Outstanding contributions to the Field of Evolutionary Computation, prémio de consagração de carreira. Organizou diversos eventos científicos, tendo publicado mais de 150 trabalhos em livros, revistas e actas de conferências.

 

Nascido em Coimbra em 1953, Ernesto Costa foi orientador de diversos alunos de mestrado e de doutoramento, em Portugal e no estrangeiro. A pedido da UNESCO, organizou e coordenou atividades de formação em informática em países de língua oficial portuguesa (Cabo Verde e São Tomé e Príncipe), tendo ainda participado no projeto de formação EDDI para os primeiros engenheiros informáticos da Universidade Agostinho Neto, em Angola. Em 2013, integrou a equipa criada pela Fundação das Universidades Portuguesas que trabalhou na reorganização da Universidade Nacional de Timor Lorosae.

Programa de Ação – Mudar para ganhar o futuro

“Candidato-me ao cargo de Reitor com um objetivo maior: mudar a Universidade de Coimbra, orientando-a no sentido de transformá-la numa Universidade de Investigação, de renome internacional, inclusiva e aberta à sociedade.”

*Candidatura ao cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, janeiro de 2019

Notícias

Uma universidade de investigação aberta à sociedade

“Transformar a UC numa universidade de investigação, inclusiva e aberta à sociedade”.

 

 José Pedro de Matos Paiva

Informação Curricular

Professor na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra desde 1986, onde tem lecionado disciplinas de História Moderna de Portugal, Cultura Portuguesa e seminários de pós-graduação sobre a Inquisição.

Informação Curricular

Informação Curricular

Professor na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra desde 1986, onde tem lecionado disciplinas de História Moderna de Portugal, Cultura Portuguesa e seminários de pós-graduação sobre a Inquisição.

Preparou o seu doutoramento no Instituto Universitário Europeu (Florença), pelo que, desde cedo, tem manifestado preocupações com a História comparada

É investigador do Centro de História da Sociedade e da Cultura da Universidade de Coimbra, do Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica Portuguesa e académico correspondente da Academia Portuguesa da História.

Desde 2005, integrou a comissão científica internacional que coordenou a elaboração do Dizionario Storico dell´Inquisizione (Pisa, 2010) e é o coordenador científico dos Portugaliae Monumenta Misericordiarum (8 vols. editados).

É autor de Práticas e crenças mágicas. O medo e a necessidade dos mágicos na diocese de Coimbra (1650-1740), (Coimbra, 1992), Bruxaria e superstição num país sem caça às bruxas: 1600-1774, (Lisboa, 1997 e 2002), Religious ceremonials and images: power and social meaning (1400-1750), (Coimbra, 2002) e de vários capítulos da História Religiosa de Portugal (Lisboa, 2000). Na Imprensa da Universidade de Coimbra publicou o seu último livro Os bispos de Portugal e do Império (1495-1777) (Coimbra, 2006).

Programa de Ação – Honrar o Passado, Enfrentar o Presente, Projetar o Futuro

“Proporei mudanças equilibradas, incrementais, que não provoquem disrupções e, sobretudo, que resultem da participação e mobilização da comunidade, por forma a que docentes, investigadoras/es, estudantes e pessoal não docente se comprometam num esforço comum de melhoria da sua universidade. Por isso, promoverei uma gestão participada, dialogante, transparente, confiável, mas, em simultâneo, eficaz, para responder aos inúmeros desafios do mundo académico e às transformações da sociedade.

*Candidatura ao cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, janeiro de 2019

Notícias

José Pedro Paiva quer mais formação interdisciplinar na UC

Universidade precisa captar receitas próprias

“Honrar o Passado, Enfrentar o Presente, Projetar o Futuro… o reitor de uma instituição tem de olhar para esses três tempos”.

 Duília Fernandes de Mello

 outra imprensa 

Conselho Geral

Conselho Geral esclarece dúvidas em audição aos candidatos a reitor (05.fev.2019)

Conselho Geral

Conselho Geral esclarece dúvidas em audição aos candidatos a reitor (05.fev.2019)

Sete perguntas

Sete slides com as resposta dos candidatos às sete perguntas formuladas pelo “Diário as beiras”  (02.fev.2019)

Entrevista a Duília Fernandes de Mello

“Queremos uma universidade sem fronteiras” (01.fev.2019)

Debate na Casa da Cultura

“Candidatos a reitor querem UC mais ligada à cidade” (30.jan.2019)

Debate na Casa da Cultura

“Candidatos a reitor defendem maior ligação à cidade” (30.jan.2019)

Debate no auditório da Reitoria

“Candidatos a reitor dizem que a Universidade tem de se transformar para crescer” (24.jan.2019)

Debate no auditório da Reitoria

“Candidatos próximos nas ideias mas mais longe nos detalhes” (24.jan.2019)

Artigo de opinião - Fernando Seabra Santos

“Eleições para reitor” (24.jan.2019)

Entrevista a João Gabriel Silva

“Iniciar um período da troika com as contas desequilibradas é quase a tempestade perfeita” (23.jan.2019)

UC. 2002-2019

Coimbra – Universidade Global

João Gabriel Monteiro de Carvalho e Silva

“Sonho com o dia em que a Universidade de Coimbra (UC) possa afirmar-se como a melhor universidade de língua portuguesa, capaz de atrair os melhores estudantes e professores, convertida em palco de grandes avanços do conhecimento e contribuindo decisivamente para o progresso e bem estar social dos portugueses”

Candidato ao cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, janeiro de 2015

UC – Espaço de saber e iniciativa

João Gabriel Monteiro de Carvalho e Silva*

“Esta é uma candidatura pela afirmação da Universidade de Coimbra, visando o reforço da sua presença no Espaço Europeu do Ensino Superior e de Investigação e a assunção de um papel motor no desenvolvimento económico, social e cultural de Portugal […] Ambiciono que a UC seja reconhecida como a Universidade portuguesa de maior qualidade”.

*Candidato ao cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, janeiro de 2011

Mudança tranquila

Fernando Seabra Santos*

“Em breves palavras se enuncia a minha determinação e o desafio que me imponho: pegar nesta Universidade e ser, como seu Reitor, durante mais quatro anos, digno da sua História e do seu prestigio. Para isso me entregarei ao futuro com o empenho e a convicção de que cada um dos nosso pequenos passos também é, porque acompanhado de muitos outros passos de muitos outros caminhantes, como o primeiro de Neil Armstrong na Lua, um salto gigantesco para a Humanidade”.

*Candidato ao cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, janeiro de 2006

Fazer Univer[sc]idade

Fernando Seabra Santos*

“não é possível estar permanentemente a construir um edifício a partir dos alicerces”.

*Candidato ao  cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, novembro de 2002

Para uma universidade mais forte…

Fernando Rebelo*

“prometo trabalhar no sentido de melhorar significativamente a qualidade do ensino ministrado”.

*Candidato ao  cargo de Reitor da Universidade de Coimbra, novembro de 1998